Sobre produtos de limpeza

[print_link] | [email_link]

“Quem já foi a uma seção de produtos de limpeza sabe eles parecem feitos para clubbers”, já diziam as moças do 02 Neurônio, coluna que eu lia religiosamente toda segunda na FolhaTeen no início dos anos 2000 e que depois virou blog. Indico muito a leitura integral do texto, afinal, só quem já saiu de casa sabe a dificuldade que é escolher qual comprar em meio a tantas opções coloridas. Pensando nisso, fiquei feliz da vida quando, outro dia, folheando o Forgotten skills of cooking encontrei umas dicas da Darina pra limpar sua cozinha usando apenas matéria-prima que você já tem nela normalmente, como bicarbonato de sódio, vinagre e afins. Por exemplo, para limpar o forno basta fazer uma pasta com bicarbonato de sódio, água e vinagre (vai borbulhar e você vai se lembrar daquels vulcões das feiras de ciências), passar no chão do forno e deixar agir por quinze minutos. Aí é só tirar e limpar os restinhos com água.

Além do mais, preciso confessar que eu sempre tenho um pé atrás com esses produtos de limpeza, primeiro pois costumo achar os cheiros muito fortes e depois porque vai saber qual o princípio ativo daquilo? Me dá um certo pânico pensar em passar uma coisa super tóxica em cima da bancada onde depois eu vou abrir uma massa de bolacha, sovar um pão ou cortar uma maçã, vai que depois pega na comida? Eu hein? Sem contar que minha mãe sempre me ensinou que nada é melhor do que água com sabão pra limpar o que quer que seja. E não sei se é só comigo ou se vocês também acham que as mães têm sempre razão. Eu tenho uma certa dificuldade em não seguir os conselhos da minha no que diz respeito a assuntos do lar. E como durante toda a minha vida na nossa casa nunca teve produto tipo Pinho Sol, tira-limo e outros tais, acabou que eu nunca comprei nenhum desses no mercado.

Acho que pro banheiro vale apelar pra uma água sanitária, um sapólio pra lavar o box (aliás, teve uma alma iluminada que deu, nos comentários, a dica de usar vinagre branco pra limpar o vidro do box ao invés do sapólio; funciona muito melhor!), um vidrex no espelho… Mas mesmo assim ainda acho que não tem nada que a duple água e sabão não dê conta, sem contar que depois a casa só fica com cheirinho de limpa, sem aquele famigerado “perfume de rosas” que sempre me embrulha o estômago.

E vocês? Usam que produtos de limpeza?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Sobre Ângela

Professora, mestranda e dona de casa. Ou seja, a pessoa que, na concepção dos outros, menos trabalha no mundo.

Comentários

  1. Glauce diz:

    Eu limpo vidros e espelhos com álcool em gel para limpeza! Funciona muito bem e não leva química pesada. Algumas dicas eu já tinha lido a respeito, mas não tentei =/
    Outra dica ótima (que eu preciso testar) é trocar o amaciante de roupas por uma colher de vinagre branco. Dizem que amacia e não deixa cheiro. Como eu dificilmente uso amaciante ainda não testei, pois sempre esqueço =)
    Adorei seu blog, vou passar a segui-lo! Bjos!

  2. Ângela diz:

    OI Glauce, que bom que gostou do blog!
    Olha só que interessante essa dica do vinagre no lugar do amaciante. Assim como você, eu raramente uso amaciante nas minhas roupas, mas acho que não custa testar essa.
    Eu gosto da ideia de usar coisas que a gente já tem na cozinha inclusive por saber que elas não agridem o meio ambiente tanto quanto um produto industrializado.
    Beijo!

Deixe o seu comentário

*

css.php